Na manhã desta terça-feira (14), o prefeito Rudinei Härter recebeu em seu gabinete o engenheiro Luiz Duarte, representando o engenheiro do DNIT Henrique Coelho, o supervisor Antônio Maurício Cerino e o representante da Sultepa, Maurício Souza, para tratar da iluminação de pontos da BR-116, ação que integra a duplicação da rodovia.

O projeto prevê a instalação de 181 postes de iluminação no trecho de São Lourenço do Sul, em cinco retornos e no viaduto do trevo da cidade, além da localidade do Coqueiro onde já foram instalados. A proposta é de que após a instalação feita pelo DNIT, o Município se responsabilize pelo consumo de energia. O prefeito imediatamente destacou a importância da iluminação não apenas para o embelezamento dos pontos, mas principalmente para a segurança. Para isso, será feito um convênio entre as partes e há a expectativa de que a Ecosul assuma a manutenção das luminárias. Uma nova reunião será realizada com todos os envolvidos para dar andamento ao convênio. A proposta já prevê a instalação de lâmpadas econômicas em LED que consomem menos energia, portanto, reduzem os custos ao Município.

Na reunião foi também tratado sobre o andamento das obras e há expectativa de liberação para breve de um trecho já duplicado em São Lourenço do Sul, das proximidades do trevo até a ponte de Santa Isabel. Também nesta terça-feira, o engenheiro Henrique Coelho trata em Porto Alegre das obras do viaduto no trevo de São Lourenço do Sul.