Cobrador ajudou no parto improvisado dentro do coletivo

O começo de uma vida dentro do transporte coletivo. É desta forma que um bebê futuramente ouvirá a história do parto da mãe, uma mulher guerreira que deu à luz nos bancos de um ônibus em Porto Alegre, nesta quarta-feira. O pequeno nasceu na alimentadora da avenida Antônio de Carvalho, na zona Leste da Capital. Em determinado momento a mulher começou a sentir fortes dores e foi socorrida pelo cobrador do coletivo, que realizou o parto de forma improvisada com o auxílio da própria camisa. O fato ocorreu às 21h55min. A mãe e o bebê foram levados pela tripulação até o Hospital São Lucas da PUCRS.

É mais um parto inusitado que acontece em Porto Alegre. Em dezembro de 2018, há menos de cinco meses, um parto policial militar do 11º BPM auxiliou uma haitiana que estava prestes a dar a luz em plena via pública.

O soldado Luan Ribas Bazzan, de 28 anos, foi chamado por duas senhoras que relataram que uma gestante havia se deitado na calçada da avenida Francisco Trein, no bairro Cristo Redentor, na Zona Norte da Capital. A mulher, a haitiana Judith Fleurissint, 38, entrou em trabalho de parto quando caminhava com o marido, Waky Joseph, 33 anos, para o Hospital Conceição.