Clube revelou surpresa com pedido de saída a poucos dias do retorno da Série B

Não durou muito a mais recente passagem de Rogério Zimmermann no Brasil de Pelotas. Recontratado em março para a sua quarta passagem pelo clube, o treinador deixou o comando técnico do Xavante nesta terça-feira – a quatro dias do recomeço da Série B do Campeonato Brasileiro.

Por meio de nota oficial, o Brasil de Pelotas informou que a decisão partiu de Zimmermann e “causou surpresa à Direção Executiva do clube, poucos dias antes do retorno da Série B”, diz. “O técnico alegou motivos pessoais para o não prosseguimento à frente do projeto rubro-negro.”

Histórico técnico do Brasil de Pelotas, Zimmermann voltou ao clube no fim de março, após a eliminação ainda na primeira fase do time no Campeonato Gaúcho. Já com ele no comando, o Xavante teve um péssimo início de Série B, mas depois enfileirou três vitórias consecutivas e recuperou-se. Passadas oito rodadas, a equipe gaúcha ocupa a 13ª colocação, com nove pontos – dois à frente da zona de rebaixamento e cinco atrás do G4.